Paradas imperdíveis para curtir Minas Gerais de carro

O estado de Minas Gerais pode ser considerado um dos mais democráticos do país no quesito pontos turísticos. Além da região ser cercada de monumentos históricos e culturais, em terras mineiras você também conta com diversas belezas naturais, como cachoeiras, mirantes, rios e a comida, aaah, a comida.  

É por essas e outras que viajar de carro por lá é uma boa ideia. Só assim você pode ver tudo isso de perto. Então, se decidiu cair na estrada em Minas Gerais, confira essas paradas imperdíveis que vão deixar a sua viagem muito melhor. 

Congonhas

Com pouco mais de 50 mil habitantes, a cidade de Congonhas está localizada a 80 km de Belo Horizonte e possui pontos turísticos famosos, por conta da história mineira. O Santuário do Senhor Bom Jesus de Matosinhos, patrimônio da Unesco, localizado na praça principal da cidade, é um exemplo. 

A entrada da igreja é, por si só, uma obra de arte, literalmente. Na escadaria imponente estão as 12 estátuas dos profetas esculpidas em pedra-sabão por, nada mais e nada menos, que Aleijadinho.

O município também comporta o Museu da Imagem e Memória de Congonhas, na histórica Rua das Ladeiras. O espaço fica em uma construção de dois andares e restaurada fiel ao projeto original, dos primeiros moradores, para estimular as memórias reveladas nas fotos e galerias contando a história da cidade.

Uma dica é visitar a sala sobre o Zé Arigó, médium que viveu em Congonhas e por 20 anos, atraiu e reconfortou milhares de pessoas da cidade e arredores. 

Ouro Preto

A cidade colonial foi a primeira do Brasil a receber o título de patrimônio cultural da humanidade e é conservada até hoje com as ruas e construções da época.

Palco da inconfidência mineira e da mineração de ouro, períodos marcantes na história de Minas Gerais, Ouro Preto é um quadro vivo onde você pode interagir, experimentar e ver de perto esses acontecimentos nos museus, igrejas, casas e ruas. 

O famoso centro histórico da cidade possui mais de 20 igrejas construídas sob influência da arte barroca, inclusive algumas possuem pinturas e esculturas de Aleijadinho, construídas no século XVIII. É impossível passar por lá e não ficar paralisado na Praça Tiradentes olhando tudo envolta.

Além disso, aproveite a parada para conhecer a Mina da Passagem. O passeio é feito pelos túneis das minas de extração de ouro, dentro dos próprios carrinhos de mineração. É uma experiência única. 

Santana do Riacho

Um pouco mais distante da capital, a 130 km ao norte, está essa cidadezinha, com seus pouco mais de 4 mil habitantes, conhecida por ser a porta de entrada de uma das belezas mais populares do país, a Serra do Cipó, composta por mais de 60 cachoeiras. 

O Parque Nacional da Serra do Cipó é uma opção de lazer que leva centenas de pessoas para a cidade todo final de semana e feriado. São cânions, trilhas, rios, cachoeiras e paisagens naturais muito bonitas, em um lugar bem preparado para receber os turistas.

Na cidade você consegue encontrar diversas opções de pousadas e restaurantes, extremamente aconchegantes, com todo o jeitinho mineiro, para terminar o passeio relaxando ao som das quedas d’água.

Capitólio

O “mar de minas”, como dizem os mineiros, é outro ponto turístico famoso do estado. No município está uma das reservas naturais mais importantes do país, o Parque Nacional da Serra da Canastra e a nascente histórica do Rio São Francisco. 

A cidade oferece passeios por cânions, cachoeiras, poços e montanhas que podem ser explorados de perto, através das trilhas guiadas. Se quiser cair na água, existem opções para embarcar nas lanchas e mergulhos no lago de furnas, onde geralmente fica lotado nos feriados.

Se o objetivo é descanso, não se engane. Apesar das paisagens naturais, que sempre remetem a tranquilidade, Capitólio sempre está badalado com confraternizações por ali, nos barcos mesmo ou nas margens das cachoeiras.

Brumadinho

Além de ser um lugar com referências históricas e belezas naturais, Brumadinho é famosa por abrigar o maior acervo de arte contemporânea do Brasil, o Instituo de Arte Contemporânea e Jardim Botânico, Inhotim.

O lugar comporta mais de 700 obras de artistas nacionais e internacionais, além de aproximadamente 4,5 mil espécies vegetais da Mata Atlântica em seu Jardim Botânico, incluindo a maior coleção de palmeiras da América Latina. É tanta coisa que você precisa de um final de semana inteiro para conhecer.

Mas isso não é problema, afinal, a cidade fica a 30 minutos da capital, onde estão vários barzinhos e restaurantes agradáveis para se divertir e aproveitar a visita prolongada.

Faça as malas e explore Minas Gerais

Minas é enorme e existem várias outras paradas imperdíveis como São Thomé, Tiradentes, Diamantina e as que fazem parte da popular Serra da Mantiqueira, como Monte Verde e Itamonte. O estado é um mix de cultura, história e natureza.

Por isso, em qualquer lugar de minas que você passar, vale a pena descer, tomar um café e conhecer um pouquinho melhor. Afinal, se tem uma coisa que mineiro gosta é conversar. 

O importante é desbravar esse estado lindo e aproveitar cada pedacinho. Não é à toa que algumas cidades mineiras estão na lista dos destinos em alta no Brasil. 

E aí, você já conhecia algum desses lugares citados no texto? Compartilhe se você é mineiro e conhece todas essas preciosidades e não deixa de mandar esse post com os amigos que vão te acompanhar nessa aventura!